Jornal Aqui - Volta Redonda - Barra Mansa

Quarta-Feira, 1 de Abril de 2020
0
Publicado em 09/03/20, às 09:46

Prato vegetariano

A partir de quarta, 11, o Restaurante Popular de Volta Redonda, em ação pioneira em todo o Estado, estará oferecendo, sempre às quartas-feiras, um prato vegetariano, sem alimentos de origem animal, incluindo a proteína. A ideia é, inicialmente, atender 50 clientes vegetarianos, mas a quantidade será adaptada de acordo com a demanda.
“Fornecemos alimentação de qualidade e a baixo custo a mais de 30 mil pessoas por mês. Nada mais justo que lançar o prato vegetariano para permitir a inclusão das pessoas que não consomem proteína animal, que é uma parcela crescente da sociedade”, justificou o prefeito Samuca Silva.
A coordenadora de Segurança Alimentar, Cristiane Seabra, dá detalhes do projeto. “O vegetariano, às vezes, não atinge o consumo de proteína ideal para manter a saúde. Estamos fazendo uma adaptação para atender esse público e até apresentar essa forma de alimentação para os outros usuários do restaurante”. disse Cristiane.
No lançamento do serviço, na próxima quarta, 11, estudantes de Nutrição do UniFOA vão aproveitar para falar com os clientes sobre os benefícios da alimentação vegetariana.
Os cardápios do Restaurante Popular são elaborados pela empresa prestadora de serviço e aprovados por nutricionistas da secretaria de Ação Comunitária. Todos os dias devem ser preparados dois tipos de salada, um prato proteico (tendo como opção ovo ou isca de fígado apenas nos dias em que a preparação proteica seja suína ou pescado), uma guarnição (como macarrão, polenta, farofa), dois acompanhamentos (arroz e feijão), além de suco e sobremesa. Ainda tem o café como cortesia.
O Restaurante Popular funciona na Avenida Integração, no Aterrado, em dias úteis, respeitando o calendário da prefeitura de Volta Redonda. O local serve 600 cafés da manhã, entre 6 e 9 horas, e 1,5 mil almoços, das 10h30min às 14h30min ou até esgotar o número de refeições. O preço do café da manhã é R$ 1,50 e o almoço custa R$ 3,50.

Os textos e as fotografias veiculadas nas páginas do aQui se encontram protegidos por direitos autorais, sendo vedada sua reprodução total ou parcial para finalidades comerciais, publicitárias ou qualquer outra, sem prévia e expressa autorização de Jornal Aqui Regional. Em hipótese alguma o usuário adquirirá quaisquer direitos sobre os mesmos. E no caso de utilização indevida, o usuário assumirá todas as responsabilidades de caráter civil e/ou criminal.