Jornal Aqui - Volta Redonda - Barra Mansa

Sexta-Feira, 20 de Outubro de 2017
0
Publicado em 09/10/17, às 09:16

Tempo real

CESPE - Divulgação

O prefeito Rodrigo Drable inaugurou na noite de quinta, 5, o CESP (Centro Estratégico de Segurança Pública), que não pôde ser aberto na terça, 3, dia do aniversário de Barra Mansa, por conta das chuvas eu caíram sobre a cidade. O prédio está localizado na Avenida Joaquim Leite, próximo à Igreja Matriz de São Sebastião, e será responsável por integrar as forças de segurança pública.

 

Com investimento inicial de R$ 500 mil, o CESP conta com 72 câmeras espalhadas por ruas e avenidas de Barra Mansa, permitindo a gravação das imagens e o monitoramento em tempo real das entradas e saídas da cidade e pontos estratégicos nos bairros Ano Bom, Baldomero Barbará, Vila Nova, Santa Rosa, Saudade e Centro.

 

“Esses equipamentos de segurança nas mãos de pessoas capacitadas, eu tenho certeza que vai melhorar a qualidade de vida e segurança de todos nós”, enfatizou Rodrigo, prometendo que, em breve, vai instalar um programa chamado OCR capaz de fazer a leitura das placas dos carros. “Se um crime acontecer com um carro no centro da cidade e esse veículo for para outra região, conseguiremos identificar e montar uma operação para a resolução do ocorrido”, completou.

 

De acordo com o comandante Joel Valcir, a Guarda Municipal será responsável pelo controle da operação no CESP.  “Hoje nós contamos com um efetivo de 137 guardas municipais. Cada entidade de segurança terá um representante para comunicar os responsáveis para verificação e combate de acordo com a demanda de cada uma”, afirmou, adiantando que, com a inauguração do Centro Estratégico, o trabalho da Ronda Escolar será intensificado com a instalação de câmeras de segurança em 13 escolas municipais.

 

Para o delegado da 90ª DP, Ronaldo aparecido, a tecnologia deve ser usada para o bem-estar dos cidadãos. “Com esse Centro Estratégico, tornaremos mais eficientes e eficazes os órgãos de segurança, propiciando à população a diminuição no índice de criminalidade”, afirmou.  

Os textos e as fotografias veiculadas nas páginas do aQui se encontram protegidos por direitos autorais, sendo vedada sua reprodução total ou parcial para finalidades comerciais, publicitárias ou qualquer outra, sem prévia e expressa autorização de Jornal Aqui Regional. Em hipótese alguma o usuário adquirirá quaisquer direitos sobre os mesmos. E no caso de utilização indevida, o usuário assumirá todas as responsabilidades de caráter civil e/ou criminal.