Jornal Aqui - Volta Redonda - Barra Mansa

Terça-Feira, 14 de Agosto de 2018
0
Publicado em 04/06/18, às 10:32

“Sou honesto”

samuca, zoinho, samuquinha

Roberto Marinho

Jorge de Oliveira, o popular Zoinho, é um veterano da política. Uma verdadeira raposa, diriam as pessoas com quem ele conviveu desde os tempos de vereador no final da década de 70.  Já passou pelo PDT de Leonel Brizola e até tucano do PSDB já foi, sem esquecer o PSB. Mas, foi pelo PR de Garotinho que o barbudão de Volta Redonda se tornou conhecido nacionalmente ao dizer, em um programa de televisão, a frase “100% (honesto) só Jesus”, durante a investigação da chamada “farra do cotão”.

 

Hoje, vestindo a camisa do SD (Solidariedade), levado pelas mãos do prefeito Samuca Silva, com quem se aliou, Zoinho garante que não se arrepende da frase, que segundo ele, foi “tirada de (um) contexto”. “No processo (Judicial, grifo nosso) que o programa (Fantástico, da TV Globo) me interpelou, eu fui inocentado”, jura o eterno adversário do ex-prefeito Neto. 

 

Por falar em Neto, em 2012, Zoinho foi candidato a prefeito, ainda no PR, tendo como vice o empresário Rogério Loureiro (atualmente no Podemos). A dupla foi para o segundo turno e chegou a comemorar a vitória diante de Neto. Em 2016, tentou mais uma vez subir a rampa do Palácio 17 de Julho pelo PR, tendo como vice Antônio Cardoso. Mas, a chapa não chegou ao segundo turno, disputado por Paulo Baltazar e Samuca Silva, que acabou eleito (sem o seu apoio).

 

Para as eleições de 2018, Zoinho, como pré-candidato, conta com a ajuda de Samuca, com quem se aliou, abrindo mão da parceria de longa data que mantinha com o ex-prefeito Paulo Baltazar. Zoinho vai, inclusive, fazer dobradinha com Samuquinha, ex-assessor especial de Samuca, que é a aposta do grupo palaciano para mostrar força diante de Baltazar e, óbvio, Neto & Deley. A estratégia passa por levar Samuquinha a ‘ subir o morro’. Ou seja, invadir os redutos de Baltazar. 

 

Tem mais. Zoinho rechaça qualquer oportunismo na aproximação com o prefeito e seu grupo político. “Muita gente não sabe, mas minha relação com o atual prefeito vem de longa data”. Que saber mais? Veja abaixo os detalhes da entrevista exclusiva de Zoinho ao aQui:

aQui: Por que o senhor  se aproximou do prefeito Samuca Silva e por que vai apoiar o Samuquinha?

Jorge de Oliveira, o Zoinho: Muita gente não sabe, mas minha relação com o atual prefeito vem de longa data. Aceitei o convite para me filiar ao Solidariedade por ser um partido com ideias e princípios voltados para o bem comum. Quanto ao Fernando Samuquinha, faremos uma parceria em alguns setores da cidade.

aQui: O senhor pensa em criar uma  ‘vaquinha virtual’ para receber doações via internet?

Zoinho: Estou conversando ainda com meu pessoal de apoio sobre o assunto. Sei que o objetivo das “vaquinhas virtuais”, além de contribuir com o financiamento de campanha, que agora é público, é aproximar o eleitor da militância política e do processo eleitoral. Vou definir em breve sobre o assunto.

aQui: O senhor acha que os eleitores já esqueceram a frase “100% honesto, só Jesus”? Se arrepende de ter dito isso?

Zoinho: Não me arrependo de forma alguma. Contextualizaram a minha fala. O que eu disse e fui mal interpretado é que o país estava cheio de corruptos, que não é o meu caso. No processo que o programa me interpelou, eu fui inocentado, tanto pelo ex-procurador-geral da República, Rodrigo Janot, como pelo ministro Marco Aurélio. Nada foi provado contra mim. Sou honesto.

 

 

Os textos e as fotografias veiculadas nas páginas do aQui se encontram protegidos por direitos autorais, sendo vedada sua reprodução total ou parcial para finalidades comerciais, publicitárias ou qualquer outra, sem prévia e expressa autorização de Jornal Aqui Regional. Em hipótese alguma o usuário adquirirá quaisquer direitos sobre os mesmos. E no caso de utilização indevida, o usuário assumirá todas as responsabilidades de caráter civil e/ou criminal.