Jornal Aqui - Volta Redonda - Barra Mansa

Quinta-Feira, 19 de Julho de 2018
0
Publicado em 07/05/18, às 10:33

Mais leitos

santa margarida (2)

Com o anunciado fechamento do Hospital Vita, que hoje conta com 130 leitos, e a superlotação que ocorrerá nos hospitais particulares (Hinja e Unimed), o governo Samuca Silva corre contra o tempo para por em funcionamento, mesmo que parcialmente, o novo Hospital Santa Margarida. A ideia é colocar à disposição da população cerca de 60 leitos de internações até dezembro deste ano, o que ajudará a amenizar os prejuízos com o fechamento do Vita.

 

O secretário de Saúde de Volta Redonda, Alfredo Peixoto, foi quem deu a notícia de ter concluído o levantamento total das instalações físicas do Hospital Santa Margarida, garantindo que serão necessárias apenas algumas adequações. “Realizamos um levantamento arquitetônico de todos os andares para definição do plano operacional do hospital. E fizemos a ligação da luz provisória, já que há necessidade de um redimensionamento da rede de energia do hospital. Ainda realizamos testes hidráulicos em todos os andares”, detalhou.

 

Alfredo enumerou ainda quais as atividades iniciais previstas: “Vamos iniciar com um centro de imagens, lavanderia central – serviço hoje terceirizado – ambulatórios de especialidades, serviço de nutrição e dietética central para toda a rede municipal de Saúde”, pontuou.

Consultório Farmacêutico

A população de Volta Redonda passou a contar com uma assistência inédita na rede municipal de Saúde com a implantação, ontem, sexta, 4, do Consultório Farmacêutico. A inauguração marcou a passagem do Dia Nacional do Uso Racional de Medicamentos, comemorado em 5 de maio. O Consultório Farmacêutico vai atender os usuários da Farmácia Municipal e busca promover a adesão ao tratamento indicado pelo médico, ensinar a melhor forma de armazenamento e administração do medicamento, fornecendo inclusive um calendário posológico ao paciente.

 

De acordo com o diretor da Assistência Farmacêutica da secretaria de Saúde, Alan Sombra, um exemplo clássico para justificar a criação do Consultório Farmacêutico é o paciente diabético que começa a fazer uso de insulina. “Durante o atendimento, ele vai aprender como aplicar e como conservar o medicamento”, afirmou, lembrando que, justamente por isso o atendimento no consultório vai começar pelos diabéticos e hipertensos. 

 

Ele acrescenta que para esses pacientes diabéticos, o consultório terá ainda um programa que retira informações do aparelho de controle glicêmico capilar. “Com o controle diário impresso, o paciente poderá apresentar ao médico todo histórico das alterações na taxa de glicose durante determinado tempo”, disse Alan.

 

O atendimento também vai avaliar a duplicidade terapêutica, que pode acontecer com pacientes que consultam com mais de um médico. Ainda será explicada a eficiência de medicamentos genéricos, o cuidado ao consumir medicações diferentes concomitantemente e com alguns alimentos que podem comprometer sua eficácia. “É o momento de tirar dúvidas”, concluiu a responsável Técnica da Farmácia Municipal, Mariah Amaral El Jurdi.

 

O atendimento no Consultório Farmacêutico será feito por 15 farmacêuticos, capacitados pelo Conselho Federal de Farmácia com o curso “Cuidado Farmacêutico no SUS”. O horário de funcionamento será das 8 às 12 horas e das 13 às 16h30min, com agendamento prévio, respeitando as prioridades.

 

Para o secretário de Saúde de Volta Redonda, Alfredo Peixoto, o Consultório Farmacêutico vai melhorar a efetividade do tratamento indicado pelo médico. “O sucesso do tratamento para pela administração e o armazenamento correto do medicamento”, afirmou.

Policlínica da Saúde

A secretaria de Saúde de Volta Redonda pretende zerar, até outubro, a demanda por marcação de consultas de retorno a especialistas da Policlínica da Cidadania, localizada no Raulino de Oliveira. Para garantir agilidade e conforto no atendimento aos pacientes, as 17 especialidades foram divididas entre os dias do mês e terão datas específicas para o agendamento das consultas.

 

“Esse cronograma foi criado para promover e melhorar o acesso aos serviços especializados, garantindo rapidez e resolutividade. A divisão das especialidades pelos dias do mês evita filas e agiliza o atendimento”, explicou a coordenadora de Média Complexidade da Secretaria de Saúde, Flávia Lipke Ensenat, acrescentando que o atendimento é feito pelo sistema de senhas, em seis guichês, das 7 às 16h30min, de segunda a sexta, no 2º piso da Policlínica da Cidadania.

 

É necessário lembrar que esta agenda é exclusiva para marcação de consulta de retorno. Os agendamentos para primeira consulta são marcados por meio das Unidades Básicas de Saúde e de Saúde da Família.

Veja a agenda do mês de maio:

Dias 15 e 28 – Reumatologista, Endocrinologista

Dias 16 e 29 – Nutricionista, Neurologistas (adulto e infantil, incluso exame eletro encefalograma)

Dias 17 e 30 – Pneumologista (adulto e infantil), Otorrinolaringologista

Dias 07 e 18 – Alergologista, Angiologista

Dias 08 e 21 – Cardiologista (incluso eletro cardiograma), exame de audiometria

Dias 09 e 22 – Hematologista (adulto e infantil), Ortopedista

Dias 10 e 23 – Dermatologista, Nefrologista

Dias 11 e 24 – Oftalmologista (incluindo exames oftalmológicos), Ortoptista

Dias 14 e 25 – Urologista, Gastroenterologista (adulto e infantil).

Os textos e as fotografias veiculadas nas páginas do aQui se encontram protegidos por direitos autorais, sendo vedada sua reprodução total ou parcial para finalidades comerciais, publicitárias ou qualquer outra, sem prévia e expressa autorização de Jornal Aqui Regional. Em hipótese alguma o usuário adquirirá quaisquer direitos sobre os mesmos. E no caso de utilização indevida, o usuário assumirá todas as responsabilidades de caráter civil e/ou criminal.