Jornal Aqui - Volta Redonda - Barra Mansa

Sábado, 25 de Novembro de 2017
0
Publicado em 13/11/17, às 11:09

Grampos Barra Mansa

06-07-17 - eco pneu e eco óleo - chico de assis (1)G
Óleo usado (I) – Sabendo da importância da reciclagem do óleo de cozinha usado para a preservação da água e do solo, a secretaria de Meio Ambiente de Barra Mansa vem investindo na conscientização da população visando aumentar a coleta domiciliar e comercial do produto. O resultado tem sido positivo. Em dez meses, a coleta aumentou de 50 para 300 litros/mês. A meta, porém, é ousada. Através do Projeto EcoÓleo, o objetivo é coletar 18 mil litros/ano de óleo usado, uma média de 1.500 litros/mês.

Óleo usado (II) – Segundo o supervisor do Projeto EcoÓleo, Arilson Sales Barros, o aumento na coleta tem ocorrido devido a algumas ações, entre elas, recolher o produto no período da noite. “Sistematicamente, realizamos a coleta às segundas, quartas e sextas, das 9 às 18 horas. Recentemente, ampliamos o horário com foco no óleo utilizado em frituras por bares, lanchonetes e restaurantes”, explicou.

Óleo usado (III) – Arilson lembra aos interessados em descartar o óleo de cozinha de maneira adequada que eles podem fazer contato com a secretaria de Meio Ambiente pelos telefones 2106-3408 e 98142-7444. “Vamos até o local indicado para recolher o produto”, detalhou.
Estacionamento – O leitor Lucio Rezende está fulo da vida com a prefeitura de Barra Mansa. Em e-mail ao aQui, ele conta que na quinta, 9, foi até a Santa Casa, onde iria passar por um procedimento médico. Para isso, estacionou seu veículo nas proximidades do hospital, usando seu cartão de idoso, devidamente visível no painel do carro, em uma vaga do estacionamento rotativo. Isso às 9 horas, tendo retornado por volta das 10h30min. Ao chegar, surpresa: tinha sido autuado. Ele chegou a questionar a monitora, pois quando ele estacionou não havia nenhuma nas proximidades. Foi informado que ela tem ‘ordens para cobrar de todos os usuários’. E que no caso dele, teria que desembolsar R$ 2,40 por ter permanecido mais de uma hora, já que o cartão do idoso não seria válido onde estacionou. “Estou tremendamente decepcionado com as atitudes desta administração, pois em Volta Redonda o cartão do idoso é válido para qualquer vaga. Barra Mansa vive tentando copiar a cidade vizinha, mas, com umas atitudes destas jamais chegará perto”, desabafou.

Artesãos – A Setur-RJ (secretaria estadual de Turismo), em parceria com secretaria de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Tecnologia de Barra Mansa, vai começar a entregar, a partir de segunda, 13, a Carteira Nacional do Artesão a cerca de 300 artesãos e trabalhadores manuais cadastrados em agosto. A entrega será por ordem de chegada e começará às 10 horas no Clube Municipal, no centro. Quem não puder retirar a carteira em Barra Mansa, só poderá fazer na sede da secretaria de Estado de Turismo, à Rua Uruguaiana, 118, no centro do Rio de Janeiro. Isso se agendar o dia pelo telefone (21) 98099-1500.

Disque 115 – O Saae-BM passou a atender o Disque 115 das 7 às 19 horas. Para obter uma resposta mais ágil, o órgão lembra que é importante que o usuário, ao ligar, esteja com a conta de água em mãos para comunicar o código da fatura. Mais informações no site www.saaebm.rj.gov.br

Disque prefeito (I) – Essa pouca gente sabe: o prefeito Rodrigo Drable chega a fazer até 30 ligações diárias para usuários que são atendidos na UPA do Centro. O telefonema geralmente é feito à noite e Rodrigo conta que já ouviu até palavrões do outro lado da linha. “A pessoa toma um susto quando digo que sou o prefeito Rodrigo Drable. Muitos não acreditam. Acham que é trote e alguns chegam a me xingar. Levo na brincadeira, pois isso realmente não é comum”, comenta.

Disque prefeito (II) – O motivo dos telefonemas é elogiável: “Ligo pessoalmente para saber se eles (usuários) saíram satisfeitos da UPA; se foram bem atendidos e se o problema foi resolvido”, explica Rodrigo Drable. Ele vai além. Conta ao aQui que das 700 pessoas que diariamente são atendidas na unidade, de 60% a 70% saem satisfeitas. “Nossa equipe é boa”, justifica o prefeito de Barra Mansa. Que assim seja!

Gafe – O delegado titular da 90ª DP de Barra Mansa, Ronaldo Aparecido, divulgou no início de quarta, 1, as fotos dos que seriam os suspeitos do assassinato do estudante de Psicologia do UBM, Caio César Alves Camargo, 23, durante tentativa de assalto ocorrida na noite anterior – terça, 31. Acreditando na postagem das fotos em grupos das redes sociais, vários jornais chegaram a reproduzir as fotos dos suspeitos pela internet. E já preparavam a notícia para as versões impressas. Ainda bem que não publicaram, pois foram induzidos ao erro. As fotos não correspondiam aos verdadeiros suspeitos. Ah, que até não foram presos.

Creche (I) – No final de outubro, o prefeito Rodrigo Drable inaugurou a creche do bairro Estamparia. Depois a creche Menino Jesus, que irá atender, de forma gratuita, 130 crianças entre quatro meses e quatro anos de idade, das 7 às 17 horas.

Creche (II) – A creche menino Jesus, que conta até com sala de leitura, nasceu de um trabalho em conjunto da prefeitura com o grupo ‘Amigas Voluntárias Carinho Brasileiro’, responsáveis por conseguir recursos para a construção do berçário da unidade, além de utensílios para o dia a dia. Ruth Coutinho, secretária de Assistência Social, frisou que o prefeito Rodrigo Drable tem olhado de forma especial para a educação e para as crianças de Barra Mansa.

Creche (III) – E tem mesmo. Tanto que para inaugurar as creches o prefeito adotou a estratégia de puxar energia das escolas para poder ligar a luz das creches infantis. Que a Light, indigesta, se recusava a fazer, alegando que a prefeitura lhe deve muita conta de luz vencida. Parece sacanagem da empresa.

Segurança (I) – O ainda deputado estadual Edson Albertassi conseguiu marcar um encontro do prefeito Rodrigo Drable com o governador Luiz Fernando Pezão. O prefeito estava acompanhado dos vereadores Marcelo Cabeleireiro, Renatinho e Marcel Castro, entre outros. E Pezão prometeu aumentar do efetivo da PM e do número de viaturas em Barra Mansa. Renatinho ainda sugeriu ao governador a transformação do Restaurante Popular em uma Cia. da Polícia. A sugestão poderá ocorrer em todo o estado do Rio já que os restaurantes, sem dinheiro para mantê-los, vivem às moscas.

Fumacê – Há quem garanta que o prefeito Rodrigo Drable não resistiu à pressão da família e mandou voltar com o carro fumacê. “Lá em casa o pernilongo também está zumbindo no ouvido de todo mundo. Não é só no Ano Bom não, na Estamparia também está. O problema é que existe uma proibição do uso do inseticida que é colocado no carro fumacê, e eu pedi à secretária de saúde que buscasse uma alternativa para esse caso. É por isso que o carro fumacê estava em desuso. Decidimos voltar com ele”, justificou. Ele tem razão. Afinal, além do pernilongo, não dá para enfrentar a primeira dama, não é mesmo?

Novidades a caminho – Há quem garanta que o prefeito Rodrigo Drable pode anunciar, ainda em 2017, uma super novidades para a população de Barra Mansa. Os olhos dele até brilham mais quando toca no assunto com os seus secretários.

Dieta – O presente, que pode ser de Natal, não tem nada a ver com a dieta que Rodrigo Drable decidiu seguir ao se pesar na balança depois do feriado de Finados, e descobrir que tinha engordado cinco quilos. Com a dieta sendo cumprida rigorosamente, Rodrigo já perdeu seis quilos.

Os textos e as fotografias veiculadas nas páginas do aQui se encontram protegidos por direitos autorais, sendo vedada sua reprodução total ou parcial para finalidades comerciais, publicitárias ou qualquer outra, sem prévia e expressa autorização de Jornal Aqui Regional. Em hipótese alguma o usuário adquirirá quaisquer direitos sobre os mesmos. E no caso de utilização indevida, o usuário assumirá todas as responsabilidades de caráter civil e/ou criminal.