Jornal Aqui - Volta Redonda - Barra Mansa

Sexta-Feira, 23 de Junho de 2017
0
Publicado em 19/06/17, às 08:23

Fuuuuuui!

marcia

Luiz Vieira e Mateus Gusmão

O leitor do aQui foi o primeiro a saber que a secretária de Saúde de Volta Redonda, Márcia Cury, ia deixar a pasta. Que vinha pedindo demissão semana sim, outra também. E que chegou a limpar a mesa para ir embora para casa. Isso só não aconteceu porque ela, eficiente, ia sendo convencida por Samuca Silva a ficar mais uns dias à frente da pasta. A novela tem tudo para acabar já nesta segunda, 19. É que o prefeito decidiu aceitar o pedido de Márcia Cury. A novidade, que antecipamos mais uma vez aos leitores do aQui é que Márcia, ex-integrante do governo Neto, continuará fazendo parte da equipe verde. Deixará a secretaria de Saúde para assumir a direção administrativa do Hospital São João Batista – cargo para qual foi convidada no final do ano passado.

 

A confirmação da saída de Márcia deverá ocorrer na terça, 20, às 8h30min, durante coletiva de imprensa do prefeito Samuca Silva, no auditório do Palácio 17 de Julho. “O prefeito Samuca segurou a Márcia no cargo até onde pôde, já que constantemente ela ameaçava deixar a pasta. Mas o prefeito, que gosta do trabalho dela, conseguiu que ela continuasse no governo e assumisse a direção do Hospital São João Batista. Vai ser um serviço muito parecido com o que ela fazia no Hospital do Retiro”, destacou uma fonte palaciana, lembrando que Márcia Cury chegou a ser anunciada como titular do cargo antes da posse dos verdes. Ela só se tornou secretária quando o médico Rafael Galvão desistiu de assumir a pasta.

 

Márcia Cury, que mantém boas relações com o ex-prefeito Neto e com o ex-deputado Nelson Gonçalves, está tentando deixar a equipe de Samuca a meses. A revelação foi feita pelo aQui em 6 de abril, na edição 1044. Na época, a notícia caiu como uma bomba. Um dia depois, na primeira edição da Rua de Compras, Samuca fez questão de andar ao lado de Márcia por toda Avenida Amaral Peixoto. “Ela não está demissionária, continua firme no cargo. Estamos até pensando em lançá-la como candidata a deputada em 2018”, desconversou Samuca ao conversar com o repórter do aQui.

 

A tentativa do prefeito em mostrar que estava tudo bem, entretanto, não surtiu efeito. Tanto que o jornal voltou a anunciar, com exclusividade, que Márcia, em 24 de maio, chegou a limpar a mesa que ocupava na secretaria de Saúde. Fez mais. Escreveu uma carta pedindo demissão e a encaminhou ao Palácio 17 de Julho. Ao dar adeus a Samuca, Márcia foi surpreendida com a presença de um dos procuradores do município, que foi chamado para desfazer os ‘nós’ que motivavam a saída da secretária de Saúde.

 

Nas últimas semanas Márcia continuou dando sinais de que estaria deixando um dos principais – e mais complicados – cargos da administração municipal. Prova disso é que na quarta, 7, como o aQui noticiou, ela não participou da prestação de contas da secretaria de Saúde na Câmara de Volta Redonda. A pasta foi representada pelo subsecretário Rafael Galvão.

 

Ao contrário da maioria dos secretários, Márcia também não participou da ‘Rua de Compras’ no Retiro, no domingo, 11. Já na terça, 13, a ausência da ainda secretária de Saúde foi sentida na visita do chefe do Executivo aos bairros Belo Horizonte, Vale Verde e Mariana Torres. No primeiro, Samuca entregou a reforma de um Cras (Centro de Referência em Assistência Social).  

 

Aos secretários que comemorarem a saída de Márcia Cury, um aviso: o prefeito Samuca Silva tem tudo para promover novas mudanças na equipe – já em julho. “Depois de seis meses de mandato, o prefeito já conseguiu avaliar quem está rendendo e quem não rende nada. E vai fazer as mudanças. A tendência é que ele troque mais de dois secretários de uma vez, o que evitaria o desgaste de promover mudanças em doses homeopáticas”, revela uma fonte. Ou seja, vem mais troca-troca por aí!

Nota da redação: Procurado pelo aQui, o prefeito Samuca Silva não quis se pronunciar sobre novas mudanças na sua equipe.

 

 

Os textos e as fotografias veiculadas nas páginas do aQui se encontram protegidos por direitos autorais, sendo vedada sua reprodução total ou parcial para finalidades comerciais, publicitárias ou qualquer outra, sem prévia e expressa autorização de Jornal Aqui Regional. Em hipótese alguma o usuário adquirirá quaisquer direitos sobre os mesmos. E no caso de utilização indevida, o usuário assumirá todas as responsabilidades de caráter civil e/ou criminal.