Jornal Aqui - Volta Redonda - Barra Mansa

Quarta-Feira, 16 de Outubro de 2019
0
Publicado em 17/06/19, às 09:05

Frio: época de caspa

Certamente você, leitor, já percebeu algumas mudanças no seu dia a dia com aquele friozinho gostoso que já começa a fazer, não é mesmo? Deu até para tirar aquele velho cobertor para dormir, aquela roupa mais quentinha que você tanto adora do guarda-roupa, e até voltar a tomar banhos quentes; rápidos, mas quentes.

 

O que provavelmente você não sabe é que algumas dessas mudanças facilitam o aparecimento de doenças dermatológicas, dentre elas, a dermatite seborreica (DS).

A DS é uma alteração de pele causada pelo aumento da quantidade de óleo produzido pelas glândulas sebáceas e/ou proliferação do fungo ‘Malassezia sp.’, que provoca a inflamação da pele, seguida de coceira e descamação local, a “famosa” caspa – que nada mais é que fragmentos de pele morta que se soltam de regiões afetadas. 

 

E qual seria a relação da DS com o frio? Bom, vamos lá. A água quente do banho estimula as glândulas sebáceas a produzir mais sebo do que o normal, aumentando a oleosidade do couro cabeludo. Assim como o uso de toucas para proteger a cabeça do frio, o aumento na ingestão de carboidratos, comum em épocas de baixas temperaturas, também estimula essas glândulas.

 

Apesar de ser um problema crônico e com chances de surgir novamente ao longo da vida, a DS é uma doença que possui tratamento e, o que é bom, a pessoa pode ficar longos períodos sem ser incomodada pelo aparecimento da caspa. E, caso você sofra com essa dermatite, procure seu dermatologista de confiança. Certamente ele poderá te ajudar a resolver o problema.

Dr. André Bahia é médico com pós-graduação em Dermatologia e Tricologia Médica, CRM 52.87713-1. Atende no Hospital das Clínicas (24) 2102-0088 / Centro de Saúde Renascer (24) 3343-2150 / Rio Medical Center (24) 2108-0030. Instagram @drandrebahia

Os textos e as fotografias veiculadas nas páginas do aQui se encontram protegidos por direitos autorais, sendo vedada sua reprodução total ou parcial para finalidades comerciais, publicitárias ou qualquer outra, sem prévia e expressa autorização de Jornal Aqui Regional. Em hipótese alguma o usuário adquirirá quaisquer direitos sobre os mesmos. E no caso de utilização indevida, o usuário assumirá todas as responsabilidades de caráter civil e/ou criminal.