Jornal Aqui - Volta Redonda - Barra Mansa

Terça-Feira, 13 de Novembro de 2018
0
Publicado em 22/10/18, às 11:57

FOA 51 anos

A comemoração pelos 51 anos da Fundação Oswaldo Aranha e 19 anos do Centro Universitário de Volta Redonda, celebrados na quinta, 18 de outubro, foi marcada pela cerimônia que concedeu o nome de Campus Universitário Porfírio José de Almeida ao campus Aterrado. Porfírio, para quem não sabe, foi um dos maiores empresários da construção civil na região – dono da Almeida & Filhos Terraplenagens –  e chegou a ser presidente do Volta Redonda, o popular Voltaço.

 

A solenidade contou com a presença do presidente da FOA, Dauro Aragão; do vice-presidente, Eduardo Prado; do superintendente executivo, Jairo Jogaib; do diretor de Relações Institucionais da FOA, José Tarcísio Cavaliere; do pró-reitor do UniFOA, Carlos José Pacheco; do pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, Alden Neves;  da esposa do homenageado, Marisa de Souza Almeida, e ainda dos filhos, noras, genros e netos; além de membros dos conselhos Curador e Fiscal da FOA; autoridades públicas, professores, coordenadores; e funcionários. 

 

“A data de hoje representa a criação da FOA, são 51 anos de história. Desde que ingressei na instituição, fiz muitos amigos, dentre eles Porfírio. Lembro-me de cada ajuda que ele nos concedeu e serei para sempre grato. Esta é uma justa homenagem a quem merece ser lembrado eternamente”, pontuou o presidente da FOA, Dauro Aragão, lembrando que o espaço com o nome de Porfírio abriga os cursos de Jornalismo, Publicidade e Propaganda e ainda o de Serviço Social.

 

“Gostaria de agradecer à diretoria e aos funcionários que prepararam essa homenagem com tanto carinho e amor. Tenho certeza que o Porfírio, de onde estiver, também se encontra emocionado como todos nós da família”, agradeceu Marisa em nome da família Almeida.    

Os textos e as fotografias veiculadas nas páginas do aQui se encontram protegidos por direitos autorais, sendo vedada sua reprodução total ou parcial para finalidades comerciais, publicitárias ou qualquer outra, sem prévia e expressa autorização de Jornal Aqui Regional. Em hipótese alguma o usuário adquirirá quaisquer direitos sobre os mesmos. E no caso de utilização indevida, o usuário assumirá todas as responsabilidades de caráter civil e/ou criminal.