Jornal Aqui - Volta Redonda - Barra Mansa

Quarta-Feira, 15 de Agosto de 2018
0
Publicado em 23/07/18, às 10:30

Curtas 1107

Parabéns pra você!

A cerimônia oficial do aniversário da cidade do aço, realizada na manhã de terça, 17, teve grafite, hip hop, roda de rima, coral infantil, cápsula do tempo e homenagens a um grupo de oito pessoas que enaltecem o nome de Volta Redonda, como o tenente Francisco Leal, veterano da 2ª Guerra Mundial, que todo ano abre o Desfile de 7 de Setembro. Acompanhado da filha, ele não conseguia esconder a felicidade. “É uma honra ser lembrado e fazer parte da história dessa cidade!”, avaliou.

Rejane Maria Campos, atleta da seleção brasileira de Voleibol e pentacampeã sul americana pelo Fluminense, também foi homenageada. “Atuei na educação dessa cidade por 30 anos e tenho orgulho de ter colaborado na formação de muitos jovens”, disse, agradecendo por ter seu nome lembrado para representar o esporte em Volta Redonda.

A festa teve até bolo gigante, com 20 metros de comprimento, confeccionado na Fundação Beatriz Gama, delicioso por sinal. O prefeito Samuca Silva aproveitou para convidar a população a pensar na Volta Redonda que todos querem, pedindo que todos fizessem uma reflexão sobre o que cada um está fazendo para alcançar o objetivo. “Como gestor público, sou o responsável por implantar melhorias, mas todos devem dar exemplos e acreditar na mudança. Pois ela chegou a Volta Redonda”, teorizou.

Detalhe: Samuca participou de tudo tendo ao lado a primeira dama, Odiliane Bartolini, que nitidamente não é muito chegada às solenidades oficiais.

Cápsula do tempo – Um dos pontos altos da festa foi o momento de lacrar a Cápsula do Tempo, que será aberta ao meio-dia do dia 17 de julho de 2038. O compartimento que armazena a cápsula foi construído na frente do Palácio 17 de Julho e entre as informações guardadas para as gerações futuras estão mensagens de alunos de escolas municipais; os jornais do dia 17 de julho; um pendrive com fotos que retratam a Volta Redonda de 2018, o filme que anuncia as atrações da festa de 64 anos; além de uma flâmula do município.

 

Creche – Um item na pauta de reivindicação da CSN tem causado alvoroço entre quem não é do ramo. Trata-se do pedido de creche para os trabalhadores homens. Tem gente achando que o pedido é machista e a reivindicação se aplica também às metalúrgicas. Só que a CSN já oferece um auxílio creche para suas funcionárias que têm filhos menores de quatro anos e o que o sindicato quer é estender este benefício aos metalúrgicos também. Nobre, mas quase impossível.

 

 

Os alunos da Liga Acadêmica de Segurança Alimentar e Nutricional do curso de Nutrição do UniFOA estão promovendo uma campanha contra o Projeto de Lei 6699/02, popularmente conhecido como PL do Veneno, que prevê mudanças na fiscalização e controle de agrotóxicos no Brasil.

Segundo o presidente da Liga, Leonardo Oliveira, a campanha surgiu da necessidade de falar sobre o uso e consumo de alimentos cultivados com agrotóxicos. “Nosso objetivo é conscientizar e sensibilizar pessoas sobre os efeitos causados pela utilização de agrotóxicos na produção de alimentos, além de alertá-las sobre a desumana ideia do atual ministro da Agricultura, que pretende atualizar a Lei dos Agrotóxicos. Concomitantemente, pedimos que as pessoas votem contra a chamada ‘PL do Veneno’, que reivindica a aprovação da Política Nacional de Redução de Agrotóxicos”, explicou. Para saber mais e assinar a petição,acesse: www.chegadeagrotoxicos.org.br.

 

Energia solar – A Associação de Aposentados e Pensionistas de Volta Redonda anunciou que vai construir uma miniusina fotovoltaica em sua sede campestre de Pinheiral. O investimento será de R$ 2,1 milhão. A construção da usina está prevista para o segundo semestre deste ano e deverá estar produzindo energia até julho de 2019. O financiamento do projeto se dará com 25% de recursos da AAP-VR, sendo os 75% restantes pagos pela Light através de seu Programa de Eficiência Energética – PEE.

Segundo o gerente de Planejamento e Controladoria da AAP-VR, Eduardo Ribeiro Vaz, o local escolhido apresenta excelente índice de radiação solar.

“Está será a maior miniusina geradora do interior do estado, com uma capacidade instalada de 215 kwp. A usina ocupará uma área aproximada de 2.000 m², de placas solares instaladas, e ficará localizada as margens da rodovia Pinheiral-Vargem Alegre. O local, que é privilegiado por sua beleza, e ainda mostra grande vantagem na implantação de empreendimentos como este, por Pinheiral possuir um excelente índice de radiação solar”, disse.

Os textos e as fotografias veiculadas nas páginas do aQui se encontram protegidos por direitos autorais, sendo vedada sua reprodução total ou parcial para finalidades comerciais, publicitárias ou qualquer outra, sem prévia e expressa autorização de Jornal Aqui Regional. Em hipótese alguma o usuário adquirirá quaisquer direitos sobre os mesmos. E no caso de utilização indevida, o usuário assumirá todas as responsabilidades de caráter civil e/ou criminal.