Jornal Aqui - Volta Redonda - Barra Mansa

Domingo, 16 de Dezembro de 2018
0
Publicado em 24/09/18, às 10:22

Curtas 1106

O UniFOA está se preparando para promover a terceira edição da sua Feira de Estágios. O evento, promovido pelo Programa de Ações Empresariais (PAE), será realizado no dia 11 de outubro, no campus Olezio Galotti, em Três Poços, e nele os alunos terão a oportunidade de estreitar os laços com várias empresas de renome da região, além de conhecer melhor a atuação de mercado de algumas delas.

Neste ano, os acadêmicos poderão conversar com funcionários do setor de Recursos Humanos de cerca de 20 empresas, como CSN, Band Rio Interior, Arcelor Mittal, entre outras.

De acordo com o professor responsável pelo PAE e pela Central de Estágios do UniFOA, Lizandro Zerbone, os acadêmicos terão liberdade de fazer contato com as empresas expositoras e entender como são gerenciadas as plataformas e o funcionamento das empresas. “Quisemos atrair as empresas mais próximas do nosso cotidiano, que já são conveniadas com a instituição e que possam agregar valor na trajetória acadêmica dos nossos alunos”, destacou Zerbone, que completou: “Nossos alunos são profissionais altamente qualificados e com visão periférica, que detêm características técnicas e comportamentais consideráveis, diante do mercado de trabalho. O UniFOA é referência na prestação de serviços educacional, o que gera interesse do setor empresarial de recrutar os acadêmicos”, finalizou.

 

 

O prefeito Samuca Silva recebeu os representantes dos quatro grupos de escoteiros existentes em Volta Redonda para discutir a Lei Municipal nº 5.495 de 2018, que reconhece o escotismo como método complementar de educação no município, de relevante utilidade pública, podendo receber assistência e auxílio do poder público para seu exercício.

Entre as decisões da reunião, ficou fixado em R$ 120 mil o valor da subvenção anual a ser distribuída entre os quatro grupos de escoteiros desde que cumpram as normas previstas na lei. O recurso será disponibilizado por meio do Finad (Fundo para Infância e Adolescência) e será incluído na proposta orçamentária para 2019.

De acordo com Samuca, os grupos de escoteiros terão apoio da equipe do Finad para a regularização dos documentos necessários para receber a subvenção e também a maneira certa de prestar contas do dinheiro recebido.

“É necessário que as atividades se caracterizem pelo interesse público, voltadas para alunos da Rede Municipal de Ensino ou para a população carente”, explicou.
Em contrapartida, os escoteiros se colocaram à disposição do governo Samuca para participar, como voluntários, das atividades da prefeitura de Volta Redonda. “Podemos atuar em eventos ligados à educação, lazer e cultura”, afirmou Bertier Werneck, do 22º Grupo Escoteiro São Judas Tadeu.

O coordenador Distrital dos Grupos de Escoteiros, José Carlos de Almeida, acredita que tenha nascido uma grande parceria entre o poder público e os escoteiros de Volta Redonda. “A reunião foi muito produtiva e vamos fazer o possível para avançar cada vez mais esse diálogo”, falou.

 

Na terça, 18, teve início a Semana Nacional do Trânsito em Barra Mansa, com a Guarda Municipal realizando diversas ações educativas nas vias mais movimentadas do centro comercial, além de palestras em instituições que prosseguirão até terça, 25. No primeiro dia, foi realizada uma caminhada com alunos da escola Municipal Comendador Geraldo Ozório Rodrigues.

A programação continua na segunda, 24, quando serão entregues os certificados do projeto ‘Sala de Trânsito’, em evento marcado para a Escola Municipal Doutor Mauricio Amaral, na Vila Coringa, a partir das 9 horas. No mesmo dia, será realizada uma ação educativa na Escola Favo de Mel, na Santa Rosa, às 16 horas. Na terça, 25, último dia da campanha, será feita a entrega dos prêmios do 4° Concurso Cultural de Educação no Trânsito, na sede do Sest/Senat, na Barbará, às 9 horas.

 

Dando continuidade ao trabalho de divulgação e conscientização sobre a doença, a Associação de Parentes e Amigos de Pessoas com Alzheimer (Apaz) de Volta Redonda está promovendo várias atividades. A próxima, amanhã, 23, domingo, será um almoço beneficente para a campanha de obtenção de recursos para os projetos da Apaz. O evento acontecerá das 12 às 15 horas, no salão de festas do NAC (Núcleo de Ação Comunitária), à Rua 715, nº 21 – bairro Casa de Pedra. O convite para o almoço está sendo vendido a R$ 20,00, sendo que bebidas e sobremesas serão vendidas à parte. Mais informações no 99988-1764, que também atende pelo WhatsApp.

A secretaria de Políticas para Mulheres, Idosos e Direitos Humanos da prefeitura de Volta Redonda está ampliando os serviços oferecidos pela ‘Sala de Bem-Estar Alternativo’ destinados às voltarredondenses. Segundo a titular da pasta, Dayse Pena, as aulas de Reike (tratamento de cura por energia) acontecem toda segunda e quarta, das 13h30min às 16h30min, e de Acupuntura, às segundas, também das 13h30min às 16h30min. Para as interessadas em participar basta fazer o agendamento pelo telefone (24) 3339-9025.

Volta Redonda está sediando desde quarta, 20, e até amanhã, domingo, 23, das 8 às 12 horas, na Ilha São João, a segunda edição da Feira de Educação e Carreiras. O evento é gratuito e tem o objetivo de estimular a empregabilidade, o desenvolvimento de carreira, produção de conhecimento e o espírito empreendedor dos jovens estudantes e professores.

‘Onda verde’
Alunos  e voluntários do curso de Engenharia Ambiental do UniFOA participaram, no último final de semana, de uma ação que ocorre, simultaneamente, em todo o mundo: o World Cleanup Day, que reúne as pessoas, simpáticas à causa, para fazer a limpeza dos resíduos descartados de forma ilegal, seja em praias, rios, florestas e ruas. Para se ter uma ideia da magnitude do evento, a “onda verde” de limpeza acontece em mais de 150 países, começando na Nova Zelândia, terminando no Havaí.

Responsável pela ação na região, o professor Roberto Guião escolheu, junto com os acadêmicos, fazer a ação no córrego Cachoeirinha que fica entre as Ruas 33 e 18-A, na Vila. Eles trabalharam, além da limpeza do córrego, com a conscientização da população através da coleta seletiva e a importância de fazer uma destinação correta dos resíduos domésticos.

“É fundamental as pessoas apoiarem, pois sem essa participação, sem essa conscientização, a situação pode ficar ainda mais grave, e ter os alunos participando ativamente é muito bom, pois sem uma visão de educação ambiental, uma formação de consciência, nenhum profissional da área ambiental consegue ter sucesso”, disse Roberto.

Quem passava pela Rua 33 podia observar alguns alunos fazendo a limpeza do córrego, assim como via banners e fotos da destruição do meio ambiente. Natália Oliveira participou voluntariamente da ação e acha muito importante que as pessoas repensem a forma como lidam com o lixo. “É um dever de todo mundo, algo que promove a cidadania. O ser humano tem o dever de pensar no planeta como nossa casa, porque é onde vivemos”, comentou Natália.

‘Prefeitura Mais Presente’
A terceira edição do projeto “Prefeitura Mais Presente” acontecerá hoje, sábado, 22, no Ciep Dr. Nelson dos Santos, no Volta Grande. O projeto, idealizado pelo prefeito Samuca Silva, tem o objetivo de levar os serviços prestados pela prefeitura às regiões descentralizadas da cidade. Essa edição vai atender os moradores dos bairros Santo Agostinho, Morro da Conquista, Morro da Caviana, Parque das Ilhas, Ilha Parque, Volta Grande, Volta Grande II, Volta Grande III, Volta Grande IV e Vila Americana. Mais de sete mil pessoas já foram beneficiadas com o projeto.

Entre os serviços que serão prestados estão: agendamento para poda de árvores; troca de lâmpadas e vistoria em árvores; Cadastramento de artesãos para o Programa de Artesanato Municipal; Cadastro Habitacional – Minha Casa Minha Vida; Orientações sobre benefícios sociais; Serviços de Atendimento ao MEI e Microcrédito.

A população terá também oportunidade de serviços como consultas de clínica geral e especialistas; cadastro e exames para utilização do Parque Aquático; captação de currículos; corte de cabelo, massagem, maquiagem e limpeza de pele; entre outros serviços.

 

 

Os textos e as fotografias veiculadas nas páginas do aQui se encontram protegidos por direitos autorais, sendo vedada sua reprodução total ou parcial para finalidades comerciais, publicitárias ou qualquer outra, sem prévia e expressa autorização de Jornal Aqui Regional. Em hipótese alguma o usuário adquirirá quaisquer direitos sobre os mesmos. E no caso de utilização indevida, o usuário assumirá todas as responsabilidades de caráter civil e/ou criminal.