Jornal Aqui - Volta Redonda - Barra Mansa

Sábado, 25 de Novembro de 2017
0
Publicado em 13/11/17, às 09:46

Curtas 1071

06-11-2017- Projeto Engraxate- Fotos Evandro Freitas .. (3)_cor
PROJETO ENGRAXATE
“É um recomeço”. Foi com essa frase que Sebastião Francisco de Oliveira, 62, resumiu a oportunidade de participar do Projeto Engraxate, lançado na segunda, 6, pela Prefeitura de Volta Redonda. Ao contrário de um programa lançado pelo ex-prefeito Neto de usar menores carentes como engraxates, o programa de Samuca é uma extensão do Projeto SuperAção, da secretaria de Ação Comunitária (Smac), que busca a ressocialização de pessoas em situação de rua.
O Projeto Engraxate foi lançado na entrada do Palácio 17 de Julho, onde estão duas cadeiras para que as pessoas possam ilustrar os sapatos. Guga Fleury, assessor especial do Palácio, foi um dos primeiros a usar. Gostou tanto que pagou R$ 10 ao invés do preço normal, que é R$ 5. Ao todo, 11 pessoas participarão do projeto, com um revezamento diário entre eles. “Essa é uma boa oportunidade para as pessoas que estão na situação como a nossa. Morei mais de um ano nas ruas antes de entrar no projeto SuperAção e agora estou me reerguendo. Como mudei meu comportamento, não estou ficando mais no Abrigo Seu Nadim e meu irmão me acolheu em sua casa. Agora com o projeto engraxate, vou ter a chance de um recomeço. De ter uma nova vida”, disse o mais novo engraxate da cidade.
O prefeito Samuca Silva também deu uma engraxada nos sapatos e fez questão de escrever uma dedicatória aos participantes do programa, no livro de presença do projeto. “Hoje é o lançamento do projeto Engraxate, que visa a inclusão social. Essas duas cadeiras estavam jogadas na prefeitura. Fizemos a reforma e queremos levar ainda o projeto para outras áreas. É assim que queremos fazer a inclusão social. Agora essas pessoas terão oportunidade ter uma renda extra, de iniciar uma nova fase em suas vidas”, comentou o prefeito.

Screenshot_2_cor
Morte amarga
Gabriel Távora
Levi Dionísio, o ambulante de 58 anos que movimentou as redes sociais em outubro, faleceu no domingo, 5, vítima de um infarto. Coincidência ou não, morreu 21 dias após ter todo seu material de trabalho – balas, chocolates, refrigerantes etc – apreendido pela Guarda Municipal de Volta Redonda em uma ação conjunta de fiscais da prefeitura, a pedido do Colégio Macedo Soares. Ele foi abordado na calçada da escola, local que vendia balas há mais de 20 anos.
Após contar o que aconteceu em seu perfil no Facebook, Levi chamou a atenção de boa parte da população, que o apoiou e questionou as atitudes tomadas pela Guarda Municipal. O ambulante chamou atenção até do vice-prefeito Maycon Abrantes e do secretário de Desenvolvimento, Joselito Magalhães, que foram até a escola para conversar com ele.
Os alunos do colégio, em um ato a favor do vendedor ambulante, chegaram a arrecadar mais de R$ 300,00 em mercadorias, além de outros R$ 300,00 em espécie para que ele pudesse voltar a trabalhar, já que era sua única forma de se manter.
O corpo de Levi foi sepultado na segunda, 6, no cemitério do Retiro. Nenhuma autoridade se fez presente.

foa
TRIAGEM ODONTOLÓGICA
No próximo dia 27, das 13 às 16 horas, alunos e professores do curso de Odontologia do UniFOA vão realizar mais uma Triagem Odontológica na Clínica Integrada do campus Olezio Galotti, em Três Poços. A atividade é realizada há cerca de dois anos e pessoas de todas as cidades da região podem participar, mas o ideal é que o paciente em tratamento não falte às consultas.
Segundo a professora Lívia Tavares, vários procedimentos podem ser realizados. “São feitas restaurações dentárias, pediátricas, cirurgias, próteses dentárias, endodontia (canal), periodontia (gengivas) e ortodontia (aparelhos). Nosso objetivo é selecionar casos para atendimentos nas diversas especialidades que o UniFOA dispõe no cursos de Graduação e Pós-Graduação”, explicou.
Para participar, basta levar documento (RG e CPF), dentro do horário indicado, na recepção da Clínica Integrada, do campus Olezio Galotti, em Três Poços. O atendimento é direcionado para crianças de quatro a nove anos – acompanhadas por pais ou responsáveis –, adultos e idosos de todas as idades. As vagas serão preenchidas de acordo com a quantidade de pessoas interessadas que comparecerem até às 16 horas no local informado, seguindo a ordem das senhas distribuídas.
Serviço:
Triagem Odontológica
Data: 27/11/2017
Horário: 13 horas às 16 horas.
Local: Av. Paulo Erlei Alves Abrantes, 1325 – Três Poços, Volta Redonda – RJ, 27240-560. Campus Olezio Galotti

Aplicativo Ilha Grande cmyk
ATRAÇÕES DE ANGRA EM APP
A cidade de Angra dos Reis, incluindo a Ilha Grande, já conta com um APP para divulgar seus atrativos. Usando o aplicativo, qualquer pessoa poderá, de celular, consultar opções de hospedagem, passeios e restaurantes. A plataforma já está disponível para o sistema Android e será lançada para IOS este mês. “Além do aplicativo atingir um número enorme de pessoas, os desenvolvedores assumiram o compromisso de, assim que for rentável, destinar um percentual do lucro líquido às atividades comunitárias da Ilha. Isso mostra a preocupação em apresentar os atrativos do destino, aliado à preocupação da sustentabilidade e do bem viver da população local”, disse o secretário de Turismo, Nilo Sergio Felix.
Três idiomas – O objetivo é que o novo aplicativo possa ser usado como um guia de bolso para a região, com mapas e todas as dicas para localização. A plataforma, que disponibiliza sites e telefones dos estabelecimentos cadastrados, tem o conteúdo disponível em três idiomas: português, inglês e espanhol.
Estão disponíveis ainda informações sobre passeios e atrações turísticas e um resumo da história da Ilha. O App está integrado ao Facebook, onde usuários podem publicar fotos e deixar relatos de viagem.

Os textos e as fotografias veiculadas nas páginas do aQui se encontram protegidos por direitos autorais, sendo vedada sua reprodução total ou parcial para finalidades comerciais, publicitárias ou qualquer outra, sem prévia e expressa autorização de Jornal Aqui Regional. Em hipótese alguma o usuário adquirirá quaisquer direitos sobre os mesmos. E no caso de utilização indevida, o usuário assumirá todas as responsabilidades de caráter civil e/ou criminal.