Jornal Aqui - Volta Redonda - Barra Mansa

Sexta-Feira, 14 de Dezembro de 2018
0
Publicado em 19/11/18, às 11:19

Bate bola – Sergio Luiz

Olha aí o timaço da A.A. Comercial em 1955. A foto pertence ao acervo do Décio Amorim.

Em pé da esquerda para a direita: DPI, Fala-Fina, Bulau, Décio, Paraíso, Murtha, Martineli e Macaé. Agachados: Bila, Zé Darci, Índio, Márcio, Cauper, Alcione e Guará.

Parece piada, mas não é

Acreditem, faltando apenas 64 dias para a estreia do Voltaço no Carioca de 2019, marcada para ser contra o Fluminense, no dia 19 ou 20 de janeiro, o time ainda nem tem treinador. Pior. Não contratou ninguém. Ao que tudo indica, sua participação será nas coxas e  mais um vexame não está descartado. Tudo por conta de uma mal fadada eleição para a escolha do próximo presidente, que interessa a duas chapas e que foi parar na Justiça.

Agora é torcer para que uma assembleia seja convocada dentro de cinco dias, prazo estipulado pela Justiça, para que a escolha do presidente não atrase ainda mais a vida do clube.

A propósito, se os cartolas tivessem boa vontade e pensassem no Voltaço, teriam antecipado a eleição para setembro para que houvesse tempo suficiente para o eleito montar uma boa equipe.

Que o bom senso e o tão propagado amor ao Voltaço levem esses dirigentes a pensar no melhor para o clube. Tenho dito!

 

Convocação

Na tarde de quarta, 14, o Voltaço soltou nota a respeito e disse que, diante das decisões judiciais que cancelaram as assembleias marcadas para os dias 11 e 13, que Flávio Horta, baseado no parágrafo único do art. 32 do estatuto social, encaminhou, no dia 12, uma solicitação ao presidente do Conselho Deliberativo para que ele convocasse, dentro de cinco dias, ou seja, até hoje, sábado, 17, a Assembleia Geral que irá eleger o presidente e o vice-presidente administrativo e os membros do Conselho Deliberativo e Fiscal. Informou ainda que o prazo entre a convocação e a realização da eleição é de 20 dias, período em que as chapas e os registros individuais de candidaturas ao Conselho deverão ser feitos novamente.

 

 

Barra Mansa

Continuo aguardando a manifestação de torcedores, autoridades e empresários, para fazermos um Mutirão pró-Leão. Quem se aventura?

 

Das arábias

Dija Baiano, ex-atacante do Voltaço, anda fazendo sucesso no futebol árabe. Dija já é um dos artilheiros e virou ídolo da torcida do Al-Orobah, da cidade de Sakakah, time da segunda divisão árabe. Junto com ele está o ex-lateral Pedro Rosa, que também jogou no Voltaço. Outro que brilha, mas na primeira divisão árabe, jogando pelo Al Khor, é o meia Madson, ex-Voltaço, Vasco e Santos. Quanto ao atacante Caio, também das divisões de base do tricolor de aço, ele é ídolo em Dubai, jogando pelo Al Wasl.

 

Desistência

Por falta de apoio e devido às despesas – R$ 3 mil por jogo em casa- as Guerreiras de Aço, time feminino de Volta Redonda, desistiram de terminar o campeonato estadual. Muitas pro-messas e pouca ação. O coordenador, Sabino Cunha, decepcionado, enviou carta à imprensa divulgando a saída das meninas da competição.  Lamentável!

 

História

O volante Jonilson, ex-Voltaço, Botafogo, Cruzeiro e Vasco, era daqueles que vestiam realmente a camisa do clube. Unia a técnica com muita raça dentro das quatro linhas. Fora de campo, Jarrão, como é chamado, é querido por todos pelo seu jeito simples de ser. Além disso, é um figuraça. Às vésperas do jogo contra o Vasco, Jonilson se aproximou de uma rodinha à beira do gramado e foi interpelado pelo presidente Rogério Loureiro: “E aí, Jonilson, tem que dar a vida neste jogo, hein?” Veio a resposta: “Presidente, pode contar comigo. Vou morrer em campo por uma vitória. Aliás, já morri sete vezes. Sou igual a um gato preto, tenho sete vidas”, disparou. Ulha! Deu para entender?

 

Bola fora

Para a Rede Globo, que ameaça abandonar os estaduais pelo Brasil afora. Parece querer forçar a barra para reduzir o valor das cotas. Não acredito que a emissora venha a perder um bom produto, apesar da péssima qualidade de alguns jogos.

 

Bola dentro

Para a Justiça, que acabou com a farra das liminares impetradas nas eleições do Voltaço. Que seja definida logo a data e as regras para o pleito, conforme manda o estatuto do clube. Valeu!

Os textos e as fotografias veiculadas nas páginas do aQui se encontram protegidos por direitos autorais, sendo vedada sua reprodução total ou parcial para finalidades comerciais, publicitárias ou qualquer outra, sem prévia e expressa autorização de Jornal Aqui Regional. Em hipótese alguma o usuário adquirirá quaisquer direitos sobre os mesmos. E no caso de utilização indevida, o usuário assumirá todas as responsabilidades de caráter civil e/ou criminal.