Jornal Aqui - Volta Redonda - Barra Mansa

Sábado, 19 de Agosto de 2017
0
Publicado em 31/07/17, às 08:54

Anistia de juros e multas

Os contribuintes que estão em dívida com o município ainda podem aproveitar uma grande oportunidade para quitar seus débitos. É que segue até a próxima segunda, 31, a possibilidade de receberem a anistia dos juros e multas dos débitos inscritos na Dívida Ativa de Volta Redonda. A oportunidade é para pessoas físicas e jurídicas. Segundo os cálculos da secretaria de Fazenda, Volta Redonda tem mais de R$ 1 bilhão para receber de dívidas.

De acordo com o projeto, a empresa ou contribuinte que quitar seu débito à vista, até 31 de julho, receberá o desconto de 100% nos juros e multas. Já quem pagar à vista até 31 de agosto terá uma redução de 90% e, quem quitar até 30 de setembro, terá um desconto de 80% nos juros e multas. As correções monetárias, por sua vez, não receberão isenção ou desconto.

Ainda há a possibilidade de parcelar as dívidas em três opções: 12 vezes, com desconto de 70% nos juros e multas; em 24 parcelas com desconto de 60%; e em 36 vezes com 50%. Vale lembrar que a parcela mínima, por sua vez, é de R$ 100,00 para pessoas físicas e R$ 200 para as jurídicas.

Quem se interessar em receber a anistia pode procurar o prédio do Furban (Fundo Comunitário de Volta Redonda), anexo ao Palácio 17 de Julho, no Aterrado, das 12 às 17h30min. O contribuinte também pode agendar no site da prefeitura (voltaredonda.rj.gov.br). É necessário apresentar os seguintes documentos para as pessoas físicas: carteira de identidade, CPF e comprovante de residência.

Os textos e as fotografias veiculadas nas páginas do aQui se encontram protegidos por direitos autorais, sendo vedada sua reprodução total ou parcial para finalidades comerciais, publicitárias ou qualquer outra, sem prévia e expressa autorização de Jornal Aqui Regional. Em hipótese alguma o usuário adquirirá quaisquer direitos sobre os mesmos. E no caso de utilização indevida, o usuário assumirá todas as responsabilidades de caráter civil e/ou criminal.